Aplicador de Produtos Fitofarmacêuticos

Inscreva-se aqui


Enquadramento

O decreto-Lei nº 254/2015, de 30 de Dezembro estabelece o cancelamento do prazo de validade de 26 de Novembro de 2015 referente à obrigatoriedade da formação inicial de Aplicador de Produtos, disposto no nº 1 do artigo 68º da Lei nº 26/2013, de 11 de Abril, alargando a formação até dia 31 de Maio de 2016.
Este decreto-lei nº 254/2015 estabelece um regime especial e transitório relativo à formação dos aplicadores de produtos fitofarmacêuticos para uso profissional e define as suas consequências para efeitos de aquisição e aplicação destes produtos em explorações agrícolas e florestais, zonas urbanas, zonas de lazer e vias de comunicação.

 

Objetivos gerais


Capacitar os participantes para a manipulação e aplicação segura de produtos fitofarmacêuticos, minimizando os riscos para o aplicador, o ambiente, espécies e organismos não visados e o consumidor, de acordo com os princípios da proteção integrada.

 

Objetivos específicos


No final desta ação de formação os participantes devem ser capazes de:

a) Identificar os principais meios e métodos de proteção das plantas;

b) Interpretar as componentes de um rótulo de uma embalagem de produtos fitofarmacêuticos;

c) Efetuar o cálculo de doses, concentrações e volumes de calda;

d) Aplicar produtos fitofarmacêuticos de forma segura e segundo os princípios da proteção integrada;

e) Identificar os procedimentos a efetuar para minimizar o risco na utilização do produto fitofarmacêuticos para o aplicador, para o ambiente, para as espécies e organismos não visados e para o consumidor;

f) Regular, calibrar e proceder à manutenção das máquinas de aplicação de produtos fitofarmacêuticos;

g) Enumerar os procedimentos para armazenar e transportar em segurança pequenas quantidades de produtos fitofarmacêuticos.

 

Conteúdos programáticos


- Introdução à ação;

- Princípios Gerais de Proteção de culturas;

- Segurança na utilização de produtos fitofarmacêuticos, sistemas regulamentares e redução do risco;

- Material de aplicação;

- Armazenamento, transporte e acidentes com produtos fitofarmacêuticos;

- Avaliação e Encerramento.

 

Inscreva-se aqui

Acções do Documento